27 março, 2006


Um Jeito de Viver!

Quando estou enlouquecida,
pê da vida, ensandecida,
indignada com o mundo,
enfurecida comigo,
saio pra estrada, persigo,
a paz que tanto preciso!

Pego minha moto, uma fruta,
água e um capacete,
coloco a camiseta do Inter,
uma bermuda e vou em frente!

Deixo pra trás minha dor,
a medida que avanço a estrada
com o vento balançando os cabelos,
que teimam em cair aos olhos!

Vou deixando o mau humor
a cada metro que avanço,
buscando a cada segundo,
alcançar a minha paz!

Correr com liberdade
sentindo o vento no rosto
é libertar a vida que aprisionamos
no corre corre dos dias!

Volto sempre depois disso,
com toda minha alegria,
descansada, motivada,
suportando minha vida
por mais uma temporada!



2 comentários:

Angelica disse...

Continua a tua jornada na "terra" dos poemas .Adorei vá em frente..

Marianna Lima disse...

Bahh!!
Só mesmo tu para tirar leite de pedras!
Nunca tinha visto isso antes. Até de uma motocicleta tu faz poesia.
Beijos mulher!!!