02 maio, 2007

Rivaiver!

Não deixa tua mão na minha,
posso não querer tirar
e depois como vai ser?

Vamos ter que ir em frente,
na minha ou tua casa,
teremos que nos encontrar?

Não arrisque teu apetite,
posso querer dividir a tua fome,
aí Deus nos acuda
com o que vai acontecer!

Ta frio e a tarde é longa,
bem a gosto de quem foge
da mesmice e da fadiga!

Que bom que assim podemos
reviver o que perdemos!

5 comentários:

Simone disse...

Ah, esses encontros ao acaso!!!
São maravilhosos, sem dúvidas...ehehehehe!!!
Muito tri!

karla disse...

Reviver..., reviver..., reviver..., SEMPRE!!!!
Amei!

Marlene disse...

Tempo roubado, é tempo curtido ao máximo, que torna a vida mais atraente.
Reviver emoções perdidas é show!
Muito sucesso para você!
Parabéns!

Bruna disse...

Loucaaaaaaaaaaaaa, mas maravilhosaaaaaaaaaaa!!!!
Tudibom pra vc!

uma amigah disse...

Não é que eu queira "encher a tua bolinha", mas você tem toda a razão em quase tudo que escreves...Rss...Rss...Rss!!!
Casualmente ontem ouvi duas criaturas falando sobre isso e tive que achar graça...
Mesmo você se mantendo longe, ainda continua sendo a bola da vez...Rss...Rss...Rss...
Conta, de onde sai esse meeeeeel todo???
Bj!