02 abril, 2008


Ônus!

Por trás desse meu
sorriso debochado,
quase um escracho,
escondo a dor
de um amor
tão delicado!

Uma dor maliciosa,
sapeca, quase sublime,
que mexe e remexe
na minha saudade,
fazendo-me desejar
que surja dentro da noite,
um novo chamado,
para outra traição!

É uma dor tão generosa
que só de imaginá-la,
consigo retratá-la em poesia!

Palavras,
versos sem rimas
poemando às horas
dos meus dias de esperas,
mesmo sabendo que amanhã
será um outro dia,
de terrível solidão!

8 comentários:

Anônimo disse...

Que sorriso escrachado nada!!!
Ele é lindo querida, como tudo que você escreve...

Paulo Vilmar disse...

Elenara!
Do sorriso ao teclado você é um arraso!
Beijos!

São disse...

Solidão? Minha querida, antes só que mal acompanhada: é minha divisa!
Felicidades, você merece!

Adri /Dri /Drika disse...

Olá minha querida Elenara... Um grande bjuuuuuuuuuuu

Adri /Dri /Drika disse...

Tem um selinho pra vc no meu blog ;)... Bom find :*

Celulite disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Celulite, I hope you enjoy. The address is http://eliminando-a-celulite.blogspot.com. A hug.

Adri /Dri /Drika disse...

Bjoka e um otimo fim de semana sumidinha;)

Sei que existes disse...

Espero que encontres a felicidade em ti mesma...
Beijocas