12 março, 2006

Vingança!
Dou risada
Eu gargalho
Eu me espalho!
Comemoro
Faço brinde
Pego taça
Eu te saúdo!
A vingança
Chega tarde
Saborosa
Geladinha
Eu degusto!

Um comentário:

Karla disse...

É muito bom o tempo mostrar que a vinçança tarda mas não falha, principalmente quando não fazemos nada para que ela aconteça.
Me lambuzei de satisfação ao me transportar para a minha própria história.