13 março, 2006


Tô puta
Tô com raiva
Tô rebelde
Tô magoada!
Puta contigo
Com raiva de mim
Rebelde com a vida
Tô chocada!

2 comentários:

Carmem Lígia disse...

Elenara....
É isso mesmo!
Se estamos indignados, o melhor que temos que fazer é botar a boca no trombone, pois só assim não morremos de enfarto. Melhor ainda quando conseguimos construir versos com a nossa desgraça.
Beleza!

Luiza Mathias disse...

Criatura...
Nunca imaginei que tinhas tantos atributos como estou vendo agora. Como pode esconder essas qualidades!!!
Sobre o poema, a verdade é que não podemos dormir com o inimigo nunca.